Esse meu blog é demais, é o meu mundinho cor-de-rosa. Onde eu posso posta, inventar, compartilhar tudo que eu quiser >< 

amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,amo, amo,
Muito perfeito essa gif e realmente um dia eu estarei bem ali óh, embaixo dessa torre. Vai ser realizado meu sonho, tenho certeza e em época de natal deve ser a coisa mais linda né leitores?! awn *-*




— Menos brigas, e mais alegrias.
— Menos sonhos, e mais realidades.
— Menos “eu quero”, e mais “eu vou”.
— Menos palavras, e mais atitudes.
— Menos “eu te amo”, e mais amor! Por favor.
Pra quê palavras, se os olhares já dizem tudo? a luz da lua reflete a dama e o vagabundo. Ele vem de calça larga, e ela de mini saia, ela acende a baga, ele cuida pra que ela não caia, ela vem perfumada e os malandro abre ala, ele vem no estilo, ele nunca dá pala, sem vacilo, presta atenção em tudo que ela fala.
Uma dupla que quando aparece, a festa para (...) Vem com um beijinho, cheia de manha, bem de mansinho, ele se assanha, vai com carinho, vão namorar. Um sem o outro não podem ficar.




17 outubro 2012

. dizem que as alianças de casamento sao colocadas no dedo da mao esquerda , porque dizem qe ele é o unico dedo que tem a veia ligada ao coração . auwn que bonito . haha s2
. dizem que as alianças de casamento sao colocadas no dedo da mao esquerda , porque dizem qe ele é o unico dedo que tem a veia ligada ao coração . auwn que bonito . haha s2

Eu já, tomei banho de mangueira, vi o céu ficar rosa no fim da  tarde, dei risada até a barriga doer, chorei até dormir, e acordei com o  rosto desconfigurado, fiz cosquinhas nos meus amigos só para eles  pararem de chorar, quis ser médico, dentista, sonhei fugir com o circo e  ser mágico e trapezista, me escondi atrás da cortina e esqueci o pé de  fora, passei trote pelo telefone, fiz confissões de madrugada com meus  melhores amigos, confundi sentimentos, tentei esquecer algumas pessoas,  mais descobri que elas são difíceis de esquecer, algumas esqueci com o  tempo, cai da escada de bunda, fiz juras eternas,já escrevi no muro da  escola, e colei na prova, chorei sentada no chão do banheiro ou  escutando musica, senti medo do escuro, já construi sonhos em cima de  grandes pessoas, mas o tempo passa… e descobri que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais, já quase morri de amor, mais renasci para ver o sorriso de alguém especial.
Eu já, tomei banho de mangueira, vi o céu ficar rosa no fim da tarde, dei risada até a barriga doer, chorei até dormir, e acordei com o rosto desconfigurado, fiz cosquinhas nos meus amigos só para eles pararem de chorar, quis ser médico, dentista, sonhei fugir com o circo e ser mágico e trapezista, me escondi atrás da cortina e esqueci o pé de fora, passei trote pelo telefone, fiz confissões de madrugada com meus melhores amigos, confundi sentimentos, tentei esquecer algumas pessoas, mais descobri que elas são difíceis de esquecer, algumas esqueci com o tempo, cai da escada de bunda, fiz juras eternas,já escrevi no muro da escola, e colei na prova, chorei sentada no chão do banheiro ou escutando musica, senti medo do escuro, já construi sonhos em cima de grandes pessoas, mas o tempo passa… e descobri que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais, já quase morri de amor, mais renasci para ver o sorriso de alguém especial.

todos já amamos, mas só sabemos que não é amor de  verdade quando tudo  acaba. E se não existir um cara? Ou dois, ou três,  ou quatro, ou cinco?  E se o amor de verdade não existir e estivermos com  medo de admitir  isso? Nós nos produzimos, fingimos ser algo que não  somos, viramos  nossa vida do avesso e nos perdemos em algo que sonhamos  ser melhor do  que o que achamos que somos. E se aquilo que procuramos  simplesmente  não existir?
todos já amamos, mas só sabemos que não é amor de verdade quando tudo acaba. E se não existir um cara? Ou dois, ou três, ou quatro, ou cinco? E se o amor de verdade não existir e estivermos com medo de admitir isso? Nós nos produzimos, fingimos ser algo que não somos, viramos nossa vida do avesso e nos perdemos em algo que sonhamos ser melhor do que o que achamos que somos. E se aquilo que procuramos simplesmente não existir?
14 outubro 2012
fotos novas mais nem gostei tanto assim =/

























Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*Stephany Poubel *-*

eu

eu

Quem sou eu

Oi, eu sou a Stephany Poubel e esse é oficialmente meu cantinho na internet. Hoje tenho 20 anos e moro no Rio de Janeiro. Sou formada em Gestão de Recursos Humanos, mas meu sonho mesmo é ser escritora. Minha vida às vezes parece roteiro de filme e eu adoro escrever, sempre gostei de compartilhar com outras pessoas o bom da vida. Sou apaixonada por musculação, porém minha dieta não é totalmente balanceada. Minha base é minha família, porém são eles que me apoiam. Meu blog se transformou num lugar onde compartilho as coisas mais legais que vejo por aí, e sempre serei uma eterna aprendiz!

Seguidores

Arquivo do blog

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.