25 novembro 2013
Deixa eu te dizer o que eu vou fazer. Vou aprontar. Isso mesmo. Com essa cara que você está vendo, sem vergonha, vou fazer o que eu quero aqui mesmo, na sua frente. Sem pudor nem receios. Não vou sequer te olhar nos olhos. Ignoro sua presença e, com deboche, planejo a minha travessura. Vou inventar um mundo novo e não me importo de sujar minhas mãos, ou pingar tinta na roupa.

Senta, assiste, observa a minha criação. Esse momento é só meu e tem algo muito fascinante acontecendo aqui. Eu sei que você está esperando o final, mas enquanto eu não acabo, congela esse momento insano para sempre. Transforma em matéria esse minuto que não vai se repetir. Aproveita que eu estou criando um mundo novo e guarda, para sempre, essa expressão. 

Eu nem sei desenhar direito, nem sei fazer gente com a devida proporção. Nem tenho várias tintas coloridas e, se minha memória não falha, tenho apenas a cor preta, para você ver a minha limitação. Mas olha o que eu tenho na mão. É uma caneta. E com ela eu posso criar o mundo, no vazio de um papel branco.

Posso inventar que as flores são de cores que elas não são, ou que as meninas são sempre felizes, mesmo tendo palitinhos no lugar das mãos. Posso fazer de conta que minha casa tem uma chaminé e que as árvores são todas iguais, que as borboletas são enormes e que meu jardim não tem portão. Posso desenhar nuvens feito de bolas de algodão. Posso colocar o sol no cantinho da folha, e fingir que todas as folhas secas fazem um tapete no chão. Posso criar um mundo diferente, entende?

Agora, olha para mim de novo e lê o que diz a minha expressão:
"felicidade é ter uma caneta na mão."

0 comentários:

eu

eu

Quem sou eu

Oi, eu sou a Stephany Poubel e esse é oficialmente meu cantinho na internet. Hoje tenho 20 anos e moro no Rio de Janeiro. Sou formada em Gestão de Recursos Humanos, mas meu sonho mesmo é ser escritora. Minha vida às vezes parece roteiro de filme e eu adoro escrever, sempre gostei de compartilhar com outras pessoas o bom da vida. Sou apaixonada por musculação, porém minha dieta não é totalmente balanceada. Minha base é minha família, porém são eles que me apoiam. Meu blog se transformou num lugar onde compartilho as coisas mais legais que vejo por aí, e sempre serei uma eterna aprendiz!

Seguidores

Arquivo do blog

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.